Eu e o Blog

Eu

Bem, vou falar sobre eu primeiro rsrs. Meu caso com a culinária começou pela louça, tem fotos minhas com uns dois anos de idade em pé numa cadeira em frente a pia da cozinha da minha avó. E na limpeza também, sempre brincava com um rodo e uma vassoura rsrsrs. Quando minha avó chegava à cozinha eu parava, encostava na bancada de mármore e tentava me segurar pra ver o que ela estava fazendo, só que não dava altura, então eu colocava algum salto alto da minha mãe.
Pronto estava na altura perfeita. Minha avó respondeu, acho que um milhão de “o que é isso?”, “pra que serve aquilo?”, “deixa eu quebrar o ovo, vó?”. Enquanto todo mundo brincava eu ficava na cozinha, levava até meu elástico para pular na cozinha, colocava amarrado em dois bancos, e brincava ali, para não perder a receita. Hahaha..
Então com 9 anos pude mexer no tão sonhado fogão. Arrebentei, fiz um bolo, e confeitei de verde e rosa.. Foi um dos dias mais felizes da minha vida haha..
Com 15 fui trabalhar com meu avô, no escritório de contabilidade, com 16 prestei vestibular para odonto..que nada, não passei e também não queria. Com 18 comecei meus cursos no Senac, e Rio de Janeiro afora. Fiz diversos de confeitaria. Formei-me pelo Senac, e fui embora nesse mundo. Mas.. os filhos chegaram e dei uma paradona..

O blog

..Mas meu marido, desenvolvedor de sites, sempre me incentivou a criar um site de receitas, eu sempre protelei. Achava que não ia conseguir. Mas agora sinto que resgatei aquela menina dos doces, aquele encanto pelos sabores e aromas. Como é delicioso o cheiro de um brigadeiro.. a cor da abóbora, o sabor suave do que vem do mar.
Resolvi criar este blog/site com a ajuda dele, por nós, por ele e por tantas pessoas que buscam cozinhar por amor. E mais que isso, quero que meus amigos, visitantes e os que vão chegar, tragam suas ideias e receitas. Vou postar tudo aqui no nosso lugar.

Sobre as fotos, o que posso dizer, como péssima fotografa que sou, não consigo tirar fotos de tudo que faço, então tem uma mistureba, das minhas fotos com fotos que eu acho que traduzem as receitas, claro que tem mais as que eu consegui tirar. Preciso mesmo de uma boa câmera e de uma boa aula de fotografia.
Beijão procês!